Compartilhamos algumas recomendações para reduzir o impacto econômico causado pela COVID-19 no seu negócio e assim continuar vendendo.

Este é um momento que exige adaptação para seguir com suas vendas em um novo contexto. Compartilhamos algumas dicas para seguir adiante e encontrar oportunidades, mesmo em tempos difíceis:

Faça um diagnóstico financeiro

A primeira coisa a fazer para organizar os números dos seus negócios é fazer um bom diagnóstico financeiro. Esteja bem ciente do dinheiro que tem, quanto entra e sai todo mês, quais são os seus vencimentos e evite inadimplências nas faturas que devem ser pagas etc.

Saber a situação real dos seus números e pensar em cenários diante de uma eventual queda de renda permitirá que você enfrente esses momentos com uma melhor alocação de tempo e recursos. Assim, você pode tomar decisões melhores para recuperar ou gerar lucros por meio de outros canais, com outros tipos de produtos, tendo uma renda adicional em caso de imprevistos.

Você pode encontrar muitas ferramentas disponíveis na Internet para fazer um bom diagnóstico das suas finanças. Além disso, você pode usar uma planilha em Excel para gerenciar o caixa diário ou semanal, com suas receitas, despesas e valores disponíveis. Uma boa alternativa é usar os relatórios que o Mercado Pago disponibiliza a partir da sua conta para fazer uma análise precisa dos seus negócios.

Cuide dos seus gastos

É importante ser muito prudente ao lidar com seu dinheiro, avaliando constantemente seus gastos e sua receita. A organização e a contenção são grandes aliadas para enfrentar qualquer crise.

O ideal é analisar quais são suas despesas atuais e reduzir as que forem desnecessárias, e que poderiam ser suspensas por hora. Assim, você garante o que é vital para seus negócios, deixando momentaneamente de lado o que pode ficar para segundo plano.

Aliado à redução de gastos, recomendamos que você cuide da sua receita. Analise as tendências, investigue a demanda de mercado e busque oportunidades. Quem sabe você não adiciona um produto que jamais tenha pensado e encontra uma forma de atrair novos clientes oferecendo novos itens. Se tiver uma loja, este é um grande momento para explorar outros canais e impulsionar as vendas on-line ou até mesmo se animar para criar a sua própria loja virtual no Mercado Shops.

Diversifique seus meios de pagamento

Se você pode continuar entregando os produtos que vende on-line, ou se oferece um serviço digital que possa continuar operando durante o período de isolamento, uma boa forma de continuar recebendo pagamentos é por meio da Internet. Você pode usar o link de pagamento do Mercado Pago, que te permite cobrar por meio de e-mails e redes sociais.

Por outro lado, se tiver uma loja aberta ao público, você pode optar por cobrar com código QR e com a Point.

Receba pelas suas vendas na hora

Com o Mercado Pago, você pode “antecipar as suas vendas”, que consiste em transferir o dinheiro da sua conta para que esteja disponível antes do prazo estipulado pela plataforma. Esse é um recurso financeiro que você pode aproveitar pagando uma tarifa. Atenção: é importante que você saiba que nem todos os vendedores têm a possibilidade de fazer isso.

Vendas a futuro

Neste contexto de menor atividade econômica, é essencial encontrar novas formas para manter um certo nível de renda para sustentar os seus negócios. Uma alternativa é oferecer algum benefício que incentive a compra agora para receber o produto quando a situação normalizar. Para isso, ofereça parcelamento sem juros, descontos atrativos e promoções exclusivas. Além disso, você pode fazer sorteios nas suas redes sociais para atrair mais clientes.

Não se esqueça de informar que, apesar do contexto, você continua trabalhando para proporcionar uma boa experiência de compra para o cliente.

É importante que você não se perca em sua realidade: esteja ciente, avaliando o que poderá assumir para evitar fazer promessas que talvez não possa cumprir.

Adapte sua forma de comunicação

Nesses dias, a sua marca não pode fugir do contexto e agir como se nada estivesse acontecendo. Por isso, é importante que você adapte suas comunicações para acompanhar seus clientes. Informe os benefícios que eles terão assim que a situação se estabilizar, assim, seus clientes estarão cientes de que você continua trabalhando para oferecer a eles o melhor serviço.

Negocie com seus fornecedores

Este ponto é fundamental para que você se mantenha forte durante este período. Comunique-se com seus fornecedores e negocie o pagamento que seja mais conveniente para as duas partes: seja uma extensão ou parcelamento.

Cuidado ao gerenciar seu risco de crédito comercial

Em casos onde empresas abastecem outras, ou têm uma alta demanda de produtos, verifique se aquelas que compraram de você poderão honrar o pagamento. Ao avaliar bem a situação financeira do seu cliente, você poderá prever se vai receber a tempo o produto vendido. Nesse contexto, é essencial identificar a tempo eventuais conflitos e evitar aquelas vendas que possam resultar em problemas futuros.


Esta matéria foi útil? Compartilhe-a agora mesmo!