Venda de itens para pet aumenta durante a pandemia

Mercado pet está entre os setores que mais cresceram em 2021

Mesmo em meio à pandemia, as compras de artigos para pets crescem. Somente em 2020, o segmento expandiu 13,5%, de acordo com o Instituto Pet Brasil (IPB), com faturamento de 2021, estimado em R$ 46,5 bilhões. Hoje, o Brasil é o segundo principal mercado de produtos pet no mundo, com 6,4% de participação global em vendas, também sengundo levantamento da Euromonitor International.

Dentre os produtos mais procurados, destacam-se os segmentos de alimentação e cuidado. O relatório realizado pela Associação Brasileira da Indústria de Produtos para Animais de Estimação (Abinpet) aponta que a categoria de pet food cresceu 24% durante 2020, seguida por produtos relacionados a pet vet (18%) e pet care (9,5%). 

No Mercado Livre, as vendas da categoria pet acompanham o movimento de crescimento do mercado. Em 2021, cresceram 47%, com destaque para o segmento de pet care, com alta de 35% das vendas. A procura por acessórios, remédios antipulgas e carrapatos, alimentação e suplemento animal indica que esses itens são os mais relevantes dentro da categoria.

Em 2021 os produtos para cachorros representaram 59,5% das vendas, e somente no mês de dezembro refletiu em 62,61% das vendas do setor. As vendas de itens para peixes também foram destaque no mesmo período, com alta de 14,57%, enquanto a comercialização de mercadorias para gatos cresceu 8,14%.

Para garantir um bom desempenho nas vendas do setor pet é importante ter um anúncio eficiente do produto, isto é, utilizar fotos que estejam dentro dos requisitos do Mercado Livre, e com uma descrição objetiva. Além disso, garantir o envio eficaz dos produtos também ajuda a fidelizar clientes e a conquistar uma boa reputação.

Aproveite o crescimento do mercado pet e alavanque seu negócio com o aumento das suas vendas.